Associação Brasileira de Recursos Hídricos
 
Facebook
Linkedin
Twitter
SISTEMA DE REVISÃO: SUBMETA SEU ARTIGO
   
Login / Cadastre-se
 
REGA - Revista de Gestão de Água da América Latina - ISSN 2359-1919
VOLUME. 15 - JAN/DEZ - 2018
ARTIGO
SUSTENTABILIDADE HÍDRICA URBANA: O CASO DE SANTA CATARINA
Resumo:
A sustentabilidade hídrica e ambiental urbana é um dos grandes desafios da gestão de recursos hídricos. O ciclo hidrológico é fortemente alterado pela urbanização, produzindo impactos como inundações, contaminação do ar, do solo, rios e aquíferos, devido a forte concentração de população com grande demanda de água, energia, transporte e comunicação e produzindo diferentes tipos de efluentes. Os serviços de água na cidade são o abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, drenagem urbana e resíduos sólidos dentro de metas ambientais que busque a sustentabilidade do homem e do ambiente. O principal problema ambiental brasileiro no contexto urbano envolve o limitado serviço de coleta e tratamento de esgoto das cidades brasileiras. Tucci (2017) apresentou dois indicadores para avaliar a sustentabilidade urbana relacionada com o esgotamento sanitário, mostrando como estes limitados serviços influenciam o ambiente junto as cidades e sua área de influência. Neste artigo são apresentados os resultados destes indicadores para o estado de Santa Catarina, utilizados no diagnóstico do Plano Estadual de Recursos Hídricos de Santa Catarina. Os resultados mostram os indicadores em função dos serviços atuais e apresentado um Plano de Investimentos para melhorar os serviços e os indicadores para os próximos 25 anos. Nos primeiros 15 anos foram previstos investimentos de 2,3% do PIB resultando em redução do indicador e dos impactos em 57%. Na sequencia de uma fase de mais 5 anos com investimentos anuais da ordem de R$ 63 milhões (0,02% do PIB) o indicador é reduzido para 60% com relação ao cenário atual e nos últimos cinco anos com 0,24% do PIB de investimento ao ano se obtém uma redução para 73% do Indicador no cenário atual. 
Palavras-chave: sustentabilidade hídrica, vazão, esgoto sanitário 

 

 

URBAN WATER SUSTAINABILITY: THE CASE OF SANTA CATARINA
Abstract:
Water and environmental urban sustainability is one of the major challenges in water resources management. Hydrologic Cycle is impacted by urbanization, resulting in floods, air, soil, rivers and aquifers polluted due to high human concentration and great water, energy, transport and communication demand which results in many pollution sources. Water services in the cities are water supply, sanitation, stormwater, solids management with goals to achieve human and environment sustainability. The main environmental issue in Brazil in the urban areas is the lack of services on sanitation for Brazilian cities. Tucci (2017) presented two indicators to evaluate the urban sustainability related to sanitation, showing that these services impact the environment nearby the cities. This article presents the results of these indicators for the State of Santa Catarina using the Water Resource State Plan outputs. The results show the indicators in function of existing water and sanitation services and there were presented Plan of Investments in order to improve the services and indicators for the next 25 years. 
Keywords: water sustainability, flow, sewage 

 

 

43 visualizações   26 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

 

 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA
DE RECURSOS HÍDRICOS

Onde Estamos
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Caixa Postal 15029 - CEP 91501-970 - Porto Alegre - RS - Brasil

Nossos Contatos
Fone: (51) 3493 2233 / 3308 6652 - Fax: (51) 3493 2233 - E-mail: abrh@abrhidro.org.br

ABRH NA REDE
Facebook     Linkedin     Twitter