Associação Brasileira de Recursos Hídricos
 
Facebook
Linkedin
Twitter
SISTEMA DE REVISÃO: SUBMETA SEU ARTIGO
   
Login / Cadastre-se
 
REGA - Revista de Gestão de Água da América Latina - ISSN 2359-1919
VOLUME. 14 - JAN/DEZ - 2017
ARTIGO
Reflexões e fragilidades sobre a Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO) em rios
Resumo:
A Demanda Bioquímica de Oxigênio (DBO) representa um dos principais parâmetros de qualidade da água e de referência para a aplicação dos instrumentos de Gestão de Recursos Hídricos conforme instituído na Política Nacional de Recursos Hídricos (PNRH). No entanto, pouco se tem discutido sobre a padronização analítica, a subjetividade dos métodos empregados, os potenciais erros e limitações de sua determinação, bem como o impacto de sua utilização para a
gestão quali-quantitativa em corpos hídricos. Neste contexto, esta pesquisa contribui para estabelecer elementos de reflexão e bases para uma análise crítica sobre do método aplicado a DBO. Dois métodos foram analisados com ênfase am avaliação das incertezas associadas às medidas de qualidade: Winkler e Respirométrico, ambos previstos pelo padrões de parâmetros analíticos de Qualidade da Água.  
Palavras-chave: Incertezas analíticas; Gestão de Recursos Hídricos; Rio Iguaçu. 

 

 

Reflections and fragilities about Biochemical Oxygen Demand (DBO) in rivers
Abstract:
The BOD represents one of the main water quality parameters and reference for a management tools application established by the National Water Resources Policy. Nonetheless, a few studies have been done about the analytical standardization, potential errors and limitations, subjectivity of the methods applied, potential errors and limitations of
the determination, as well as the impact in a qualiquantitative management. In this context, this paper aim to determine reflection elements and basis for one critical analyze of the method applied for assessing BOD. The methods studied were Winkler and Respirometric, presenting a discrepancy between the results obtained by the same parameter at the same sampling point.
 
Keywords: Analytical uncertainties; Water Resources Management; Iguaçu river. 

 

 

69 visualizações   49 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

 

 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA
DE RECURSOS HÍDRICOS

Onde Estamos
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Caixa Postal 15029 - CEP 91501-970 - Porto Alegre - RS - Brasil

Nossos Contatos
Fone: (51) 3493 2233 / 3308 6652 - Fax: (51) 3493 2233 - E-mail: abrh@abrh.org.br

ABRH NA REDE
Facebook     Linkedin     Twitter