Associação Brasileira de Recursos Hídricos
 
Facebook
Linkedin
Twitter
SISTEMA DE REVISÃO: SUBMETA SEU ARTIGO
   
Login / Cadastre-se
 
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 13 - Nº. 2 - ABR/JUN - 2008
ARTIGO
Erosão Hídrica e Perda de Carbono Orgânico em Diferentes Tipos de Cobertura do Solo no Semi-Árido, em Condições de Chuva Simulada
Resumo:
Considerando a baixa disponibilidade de recursos hídricos da região semi-árida, e a deficiência de manejo hidroagrícola nesta região, objetivou-se avaliar o desempenho de técnicas de conservação de água e solo em bacia representativa do semi-árido de Pernambuco. O estudo foi desenvolvido na Bacia do Riacho Mimoso, onde se estimaram as perdas de solo, água e de carbono orgânico no sedimento transportado, considerando-se duas intensidades de chuva simulada, 60 e 120 mm h-1, com duração de 80 minutos. O experimento foi conduzido em um Neossolo Flúvico, com declividade de 0,061 m m-1.
Os tratamentos, estabelecidos em parcelas de erosão com dimensões de 3 x 1m, foram: feijão cultivado em nível (N) associado
a fileiras de pedra entre as fileiras do feijão; feijão cultivado morro abaixo (MA); feijão cultivado em nível, com cobertura morta (CM), tendo sido utilizada palha de feijão; solo descoberto (D), e solo com cobertura vegetal nativa (caatinga) (CN). A cultura do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) estava na fase inicial de crescimento, a qual representa uma fase crítica, em termos de índice de cobertura foliar do solo. Os resultados demonstraram que a condição de cobertura natural foi a que ofereceu a maior proteção ao solo, associada a uma perda de solo, de 4,01 x 10-3 kg m-2 e de 6,8 x 10-2 kg m-2, para as Intensidades de 60 e 120 mm h-1, respectivamente; sendo a cobertura morta a que mais se aproximou desta condição. O aumento da
intensidade de precipitação aplicada resultou no aumento das perdas de solo e água, com maiores perdas na seguinte ordem: solo descoberto, morro abaixo e em nível. As perdas de carbono orgânico foram significativamente maiores para as condições de manejo não conservacionista do solo. 
Palavras-chave: práticas conservacionistas de solo; perdas de solo, sedimento; simulador de chuva. 

 

 

68 visualizações   37 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

 

 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA
DE RECURSOS HÍDRICOS

Onde Estamos
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Caixa Postal 15029 - CEP 91501-970 - Porto Alegre - RS - Brasil

Nossos Contatos
Fone: (51) 3493 2233 / 3308 6652 - Fax: (51) 3493 2233 - E-mail: abrh@abrh.org.br

ABRH NA REDE
Facebook     Linkedin     Twitter