Associação Brasileira de Recursos Hídricos
 
Facebook
Linkedin
Twitter
SISTEMA DE REVISÃO: SUBMETA SEU ARTIGO
   
Login / Cadastre-se
 

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

A partir de 2017, a RBRH publica os artigos de forma continua. Os artigos estão disponíveis para consulta em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_issuetoc&pid=2318-033120170001&lng=en&nrm=iso
ARTICLE
Compensatory alternatives for flooding control in urban areas with tidal influence in Recife - PE
Abstract:
This paper presents a study of compensatory alternatives in urban drainage, using SWMM model (Storm Water Management Model), for the critical point of flooding in an urban area and vulnerable to tide fluctuations, located in Recife. For this, we used the registered information of the micro-drainage network and defined the parameters and variables required for modeling, such as: the subareas of contribution to the drainage system, indicating the percentage of soil waterproofing, equivalent width, slope, and infiltration rate; project rain; and tide curve. Two alternatives were simulated after the model has been calibrated. The first, which is an adaptation of the drainage network, presented maximum reductions in the volume of flooding of 37% for the events with recurrence period of two years and of 58% for five years of recurrence. The second, based on the deployment of a detention tank in the existing network, presented satisfactory results for the event of two years and reduced approximately 38% for events of five years. The results showed that there was a reduction in the area of flooding for the conditions simulated. However, the first alternative would not solve the local flooding problems, it would only attenuate and would increase the overload of the drainage pipes downstream of the modified system, while the second alternative could solve the problem of flooding, with the occurrence of an event of two years.

 
Keywords: Urbanization; Hydrological model (SWMM); Flooding control; Compensatory alternatives 

 

 

Alternativas compensatórias para controle de alagamentos em área urbana com influência das marés no Recife - PE
Resumo:
Este trabalho apresenta um estudo de alternativas compensatórias em drenagem urbana, utilizando o modelo SWMM (Storm Water Management Model), para o ponto crítico de alagamento numa área urbana e vulnerável as oscilações de maré, situada no Recife. Para isto, utilizaram-se informações cadastrais da rede de microdrenagem e definiram-se os parâmetros e variáveis necessários para a modelagem, tais como: subáreas de contribuição ao sistema de drenagem, indicando o percentual de impermeabilização do solo, largura equivalente, declividade e taxa de infiltração; chuva de projeto; e curva de maré. Com o modelo calibrado, foram simuladas duas condições alternativas. A primeira, que trata de uma adequação da rede de drenagem, apresentou reduções máximas no volume de alagamento de 37% para os eventos com período de retorno de dois anos e de 58% para cinco anos de recorrência. A segunda, baseada na implantação de um reservatório de detenção na rede existente, apresentou resultado satisfatório para o evento de dois anos e reduziu cerca de 38% para eventos de cinco anos. Os resultados mostraram que houve uma redução na área de alagamento para as condições simuladas. No entanto, a primeira alternativa não resolveria os problemas de alagamentos locais, apenas atenuaria e aumentaria a sobrecarga dos condutos a jusante do sistema modificado, enquanto que a segunda alternativa poderia resolver o problema dos alagamentos, com a ocorrência de um evento de dois anos.

 
Palavras-chave: Urbanização; Modelo hidrológico (SWMM); Controle de alagamentos; Alternativas compensatórias 

 

 

50 visualizações   0 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

 

 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA
DE RECURSOS HÍDRICOS

Onde Estamos
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Caixa Postal 15029 - CEP 91501-970 - Porto Alegre - RS - Brasil

Nossos Contatos
Fone: (51) 3493 2233 / 3308 6652 - Fax: (51) 3493 2233 - E-mail: abrh@abrh.org.br

ABRH NA REDE
Facebook     Linkedin     Twitter