Associação Brasileira de Recursos Hídricos
 
Facebook
Linkedin
Twitter
SISTEMA DE REVISÃO: SUBMETA SEU ARTIGO
   
Login / Cadastre-se
 
Clique para ampliar...

RBRH
Revista Brasileira de Recursos Hídricos
Brazilian Journal of Water Resources

ISSN 2318-0331

VOLUME. 21 - Nº. 3 - JUL/SET - 2016
ARTICLE
Water quality change of rivers during rainy events in a watershed with different land uses in Southern Brazil
Abstract:
High frequency monitoring in environmental studies is increasingly being used due to the availability of equipment and quick response. With high frequency time series, it is possible to extract short-term responses during and after a rain event, which is not captured by conventional monitoring. The aim of this study is to evaluate the superfcial water quality change of a stream in a preserved area in Atlantic Forest by short-term data (hour interval). The Cubatão do Sul watershed is located in the Central Coast region of the state of Santa Catarina in Brazil. Rain height and water quality parameters were monitored using rain gauge and multiparameter probes. Two -uviometric sections were also monitored - one in Vargem do Braço stream (FS1), which is mainly native forest (dense ombrophilous forest), and the other in Cubatão do Sul River (FS2), which is in-uenced by urban, agricultural and sand extraction uses. The temperature and nitrate ion permanency curve in FS1 showed slightly lower values during rainy events, but an opposite behavior was observed for turbidity. On the other hand, the permanency curves during rainy periods of FS2 presented lower conductivity and ammonium ion. When the dry and rainy periods were statistically compared, there was a signifcant difference for temperature, conductivity, pH, nitrate ion, turbidity and dissolved oxygen for FS1, and temperature, conductivity and turbidity for FS2. The water quality of the Cubatão do Sul watershed is in-uenced by stream -ow and has a short-term time response considering the rain events. The oscillation of the monitored parameters between two periods, dry and rainy, is smaller in native forest than urban and rural land use. 
Keywords: Atlantic Forest; Serra do Tabuleiro; High frequency monitoring; Background area. 

 

 

Alteração da qualidade da água de rios em período chuvoso em bacia hidrográfica com diferentes usos do solo no Sul do Brasil
Resumo:
O monitoramento ambiental de alta frequência está sendo cada vez mais utilizado, devido à disponibilidade de equipamentos e pela resposta rápida gerada. As séries temporais de alta frequência mostram que as respostas de curto prazo, durante e após a ocorrência de chuva não são capturados por programas de monitoramento convencionais. Este trabalho teve por objetivo a avaliação da alteração da qualidade da água de escoamento -uvial em uma bacia hidrográfca em unidade de conservação no bioma Mata Atlântica, com resposta de curto prazo, devido a ocorrência de evento de chuva, monitorado em intervalo de tempo horário. A Bacia do Rio Cubatão do Sul localiza-se na zona Litoral Centro de Santa Catarina, Brasil. Foram monitorados a altura de chuva, por meio de pluviógrafo e parâmetros de qualidade das águas, com o uso de sondas multiparâmetros. Foram monitoradas duas seções -uviométricas, uma no rio Vargem do Braço (FS1), que localiza-se em situação praticamente natural, com predominância de Floresta Ombrófla Densa e outra no rio Cubatão do Sul (FS2) que possui in-uência de área urbana, agrícola e extração de areia. As curvas de permanência da temperatura e do íon nitrato na FS1 apresentaram valores levemente inferiores no período chuvoso, comportamento oposto foi observado na turbidez. As curvas de permanência da FS2 apresentaram diminuição da condutividade elétrica e íon amônio nos períodos chuvosos. Quando foram comparados os períodos secos e chuvosos estatisticamente, constatou-se diferença para os parâmetros temperatura, condutividade elétrica e turbidez na FS2 e temperatura, condutividade elétrica, pH, nitrato, turbidez e oxigênio dissolvido na FS1. Assim, constatou-se que a qualidade da água da bacia hidrográfca do rio Cubatão do Sul é in-uenciada pelo escoamento -uvial e possui tempo de resposta de curto prazo, em decorrência de evento de chuva. Adicionalmente, o uso do solo in-uenciou nas alterações da qualidade da água em decorrência de evento de chuva. A oscilação entre os valores mensurados dos parâmetros nos dois momentos é menor em área preservada com mata nativa do que aquela com uso do solo com ocupação urbana e rural. 
Palavras-chave: Mata Atlântica; Parque Estadual Serra do Tabuleiro; Monitoramento de alta-frequência; Unidade de conservação. 

 

 

296 visualizações   199 downloads     Contabilizado a partir de 10/08/2014

 

 

 
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA
DE RECURSOS HÍDRICOS

Onde Estamos
Av. Bento Gonçalves, 9500 - Caixa Postal 15029 - CEP 91501-970 - Porto Alegre - RS - Brasil

Nossos Contatos
Fone: (51) 3493 2233 / 3308 6652 - Fax: (51) 3493 2233 - E-mail: abrh@abrh.org.br

ABRH NA REDE
Facebook     Linkedin     Twitter